Charles Manson morre aos 83 anos

Compartilhe isso se você gostar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Pra quem não sabe, Charles Manson é o responsável pelo “Manson” no nome de MARILYN MANSON. O cara era tão cabuloso que tinha uma suástica tatuada na testa. Ele foi condenado à prisão perpétua por ter convencido alguns jovens a matar pelo menos sete pessoas. Entre essas pessoas, uma famosa atriz da época chamada Sharon Tate que  estava grávida de 8 meses e meio.

Esses jovens são bem espertos mesmo! Fico impressionado… Cadê esses jovens? Vou falar de uns presidentes brasileiros pra eles… Vai que…

Charles Manson nasceu em 1934. Quando ele tinha cinco anos, a sua mãe e seu irmão foram presos por roubar uma garrafa de Ketchup em um posto de gasolina. Ainda criança, Charles foi usado como moeda de troca pela mãe. A mãe dele era alcoólatra e trocou o filho por cerveja, mas depois de alguns dias um familiar desfez a troca.

Em 1966 – o ano que supostamente Paul McCartney morreu – o cara fundou uma “família”. A Família Manson era composta por mais de 30 pessoas que tinham em comum a hostilidade contra a sociedade.

É como se fosse hoje essa galera que fica brigando por causa de política, sabe?

Manson dizia que o que o White Album (Álbum Branco), dos BEATLES, falava sobre um possível confronto racial que aconteceria nos Estados Unidos. E aí o cara fazia uns planos pra matar as pessoas de forma que os crimes fossem associados aos negros – principalmente ao grupo dos Panteras Negras que lutava contra o racismo – e então, fazer com que esse confronto realmente acontecesse.

Charles também escreveu algumas músicas e uma delas foi grava por Axl Rose e Dizzy Reed, vocalista e tecladista GUNS N’ ROSES respectivamente. O nome da música não aparece no verso do disco, mas ela pode ser ouvida no álbum “The Spaghetti Incident” logo que a música “I Don’t Care About You” acaba. Os outros membros do GUNS N’ ROSES não aceitaram gravar a música pelo fato de ser de autoria de Charles Manson. Axl e Dizzy tiveram companhia de Carlos Booy no violão quando gravaram a música. Escute a versão de CHARLES MANSON e a versão do GUNS N’ ROSES logo abaixo.

Os royalties da música gravada pelo GUNS N’ ROSES são enviados para uma organização que cuida das vítimas da “Família Manson”.

Tchau, Charles Manson! Papai-do-Chão te espera de braços abertos.


Compartilhe isso se você gostar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta